Notícias

Notícias

O PLÁSTICO NA MODA

Quinta-feira, 29 de Março de 2018, 11:35:38
Tamanho da Fonte
Diminuir Fonte
Aumentar Fonte

Muito além de apontar o que é tendência na próxima estação, a moda cada vez mais está alinhada ao estilo de vida e tornou-se um importante meio de disseminação de mensagens e conceitos. A sustentabilidade é uma temática constante nesse segmento, não apenas na reflexão sobre a necessidade de consumo, como também na busca de matérias-primas mais sustentáveis e menos agressivas ao meio ambiente. Diante dessa necessidade, as indústrias têxteis têm cada vez mais utilizado o plástico de uma forma criativa e inteligente para atender à essa demanda.

Diversas marcas já utilizam o plástico para a confecção de roupas, tais como o PVC - que é a base para o chamado "couro sintético" - e o polietileno e polipropileno, na fabricação de calças e bermudas. O EVA é muito procurado pela indústria do calçado, em virtude da sua resistência, durabilidade e leveza. E as fibras de PET também são uma realidade no processo de produção de camisetas, calças jeans, malhas e outros produtos.

Uma das marcas pioneiras nessa tendência de consumo é a Osklen. Criada em 1998, a empresa brasileira desenvolveu diversos produtos a partir da malha de PET. Só em 2017, ela promoveu a reciclagem de mais de 270 mil garrafas plásticas, o que representa uma economia de 199 milhões de litros de água e 15% a menos de emissões de CO2. Além disso, 1,9 toneladas de garrafas não foram descartadas no meio ambiente e gerou renda para cooperativas e associações de catadores.

Nos últimos dez anos, ela produziu cerca de 850 mil peças com matérias-primas sustentáveis. Recentemente a companhia lançou sua coleção de inverno 2018 com um apelo sobre a urgência da adoção de práticas e atitudes mais sustentáveis.

No cenário internacional vale destacar a iniciativa do campeão mundial de surfe, Kelly Slater, que fundou sua marca de roupa focada 100% em tecidos reciclados e sustentáveis, que utilizam produtos plásticos e redes de pesca em nylon, reaproveitando, assim, o que é descartado no meio ambiente.

Fonte:  Osklen e ABIPLAST
Voltar